Contraceptivo Adesivo


O contraceptivo adesivo ou anticoncepcional transdérmico, consiste em um adesivo que contém os mesmos componentes hormonais, a mesma ação e eficácia, porém podem ser considerados mais práticos que os demais.

Algumas mulheres se sentem inseguras com o modo de utilização desse anticoncepcional, que deve ser colado na pele em qualquer região do corpo.

As embalagens costumam ter três adesivos que correspondem a um para cada semana do mês. Para iniciar o uso, basta colar o adesivo no primeiro dia do ciclo menstrual e apenas no sétimo dias trocá-lo, e assim sucessivamente até que os adesivos acabem então, a mulher faz uma pausa de sete dias para que o ciclo menstrual se complete, ou seja, para que ocorra a menstruação e em seguida recomece o processo novamente.

Os locais mais recomendados para a colocação do adesivo são: acima dos glúteos, nas costas, no abdômen ou nos braços.

Existem algumas boas vantagens em optar pelo uso desse tipo de contraceptivo. A principal está na forma de absorção, com o adesivo os hormônios caem diretamente na corrente sanguínea, o que não acontece com o de uso oral, que é necessário haver a digestão para depois ocorrer a absorção. Além disso, com o medicamento diretamente na corrente sanguínea os problemas com efeitos colaterais como náuseas, vômitos entre outros não ocorrem.

Outra grande vantagem é que a mulher coloca o adesivo e só vai trocá-lo após 7 dias, ao contrario do oral que deve ser ingerido todos os dias, portanto, as chances de esquecer de tomar a pílula são muito menores e evitam possíveis situações angustiantes ou de dúvida.

Os resultados relacionados a eficácia são iguais aos demais métodos contraceptivos orais, não há com o que se preocupar.

Antes de trocar de método ou iniciar esse com adesivos, procure o seu médico.

Escrito por Milena Evelyn

Deixe um Comentário